Rostos familiares, lugares inesperados: uma diáspora africana global

Sinopse: Documentário de 33 minutos, da cineasta e antropóloga cultural Dra. Sheila S. Walker, conta como centenas de milhares de africanos foram arrancados de sua terra natal durante anos ao longo da escravidão. As comunidades da diáspora africana que se desenvolveram em todo o mundo usaram os conhecimentos e habilidades trazidos da África para contribuir para a formação de novas sociedades. Este filme leva os espectadores a uma viagem das Américas para a Turquia, Índia e outros locais pelo mundo para descobrir a rica cultura e as contribuições de afrodescendentes. Legendado em Portugês

O que a criança indígena deve aprender na escola?

Sinopse: Com a rigidez dos currículos escolares, existe dificuldade em encontrar escolas que trabalham com a diversidade dos estudantes indígenas. Ou seja, a educação escolar muitas vezes entra em conflito com a cultura apreendida nas aldeias e comunidades rurais. Questões éticas, linguísticas e princípios familiares são tensionados diariamente nas salas de aula. Mas afinal, como superar os desafios e promover…

El COLOR DE LA SAYA – video entrevista con Liliana de la Quintana

Sinopse: Liliana de la Quintana, escritora boliviana de literatura infantil, habla brevemente de su inquietud sobre la escasa presencia de protagonistas afro-bolivianos en la literatura de su país, lo que la ha llevado a investigar la presencia africana en la literatura infantil latinoamericana. Presenta, además, su nuevo libro, El color de la saya, en el que busca rescatar las raíces afro de Bolivia al hacer un recorrido por dicha cultura y al intercalar ficción con letras conocidas de sayas. El libro, que cuenta la historia de Rita, una niña que sueña con jugar fútbol, está dedicado a la primera abuela de la humanidad –nuestra abuela africana– y a todo el pueblo afro-boliviano.

Sinopse: Liliana de la Quintana, escritora boliviana de literatura infantil, fala brevemente da sua inquietude sobre a escassa presença de protagonistas afro-bolivianos na literatura do seu país. Isso a levou a pesquisar sobre a presença africana na literatura infantil da América Latina. Além do mais, apresenta seu novo livro, El color de lasaya, e nele procura resgatar as raízes afro da Bolívia, ao fazer um percorrido por essa cultura ao longo da história e ao intercalar ficção com letras conhecidas de sayas. O livro, que conta a história de Rita, uma menina que sonha com jogar futebol, está dedicado à primeira avó da humanidade – nossa avó africana – e a todo o povo afro-boliviano.

Mulher Negra – Thereza Santos

Sinopse: Entrevista histórica em São Paulo no ano de 1985, com a militante Thereza Santos, importante personagem da cultura negra brasileira. Nascida no Rio de Janeiro em 7 de julho de 1930, antiga militante do Partido Comunista, teatróloga, atriz, professora, filósofa, carnavalesca e militante pelas causas dos povos africanos da diáspora e do continente. Thereza morre em 2012 aos 82 anos.

Negra Luz

MultiRio – 17/10/2017

Uma roda de conversa sobre a cultura afro-brasileira, o movimento negro e a questão racial no Brasil. Apresentadoras: Nilze Carvalho, cantora, compositora e produtora; Vilma Melo, atriz. Convidados: Carolina Pires, arte-educadora e doutoranda em Sociologia e Direito; Gustavo Pinto, professor de História da SME-Rio; Jaime Pacheco, mestre em Educação e professor de História da SME-Rio; Wania Sant’anna, historiadora e pesquisadora de relações de gênero e relações étnico-raciais